domingo, 10 de junho de 2012

Dia dos Namorados (esses são dias desleais, mas tem solução))

Como romântica assumida tenho que postar algo sobre este dia (comercial) tão especial dos namorados, apesar de estar muito decepcionada e ter levado inúmeros tombos neste jogo do amor, eu ainda acredito que existe a pessoa certa, na hora certa, para viver uma linda historia de amor. 
Nestes dias desleais onde namorar, sentimento, compromisso, entrega, romance é artigo raro no mercado, é preciso ter força e coragem para se expor e dizer eu acredito no amor, mesmo que tenha caído varias vezes, ter apostado no cara errado inúmeras vezes, e mesmo assim seguir tentando e não deixar de acreditar.
Porém como neste momento não tenho ao meu lado esta pessoa, preciso buscar uma solução para passar este famoso dia numa boa sem me abalar, e saibam que tenho vários motivos para passar naquela depressão braba, pois nos últimos meses consegui levar um fora, e recentemente acreditei em palavras românticas, falsas claro! 
Então a solução que encontrei e quero dividir com todos que estejam em situação semelhante é a seguinte: Antes de amar alguém é essencial se amar, então no dia dos namorados se ame acima de tudo!! faça tudo que você ama fazer, dedique o dia inteiro para você e os seus robbys preferidos, ocupe seu dia com pensamentos e sonhos só para sua realização, seja muito feliz para se fazer mais feliz ainda, enfim seja INTEIRA!

Faça agora mesmo uma lista de tudo que ama fazer e ocupe todo o seu dia dos namorados com a pessoa mais importante do mundo (você)!

MINHA LISTA

CINEMA (ir ao cinema é algo que adoro fazer, mesmo que seja sozinha ou com amigas)

CINEMA com pipoca então eu AMOOOO

DVD do seu filme preferido também adoro ainda mais em noites frias!























LIVROS amo mais ainda imaginar a historia que estou lendo, simplesmente amo LER

CROCHE adoro fazer acho até que um dia vou viver só de trabalhos manuais!




















TOMAR UM CHOPP, sair para dançar, viver a noite!


AMIGOS estar com as minhas super amigas e amigos 
















FICAR LINDA me arrumar ao ponto de me sentir uma princesa 

GATOS abraçar minha gatinha que amo!!

CHIMARRÃO com a família, amigos.

 Amo FLORES, mereço ganhar uma!


Adoro um bom VINHO, mereço tomar um neste dia!



Escutar minhas MUSICAS PREFERIDAS eu mereço, e farei tudo isso porque amo estar feliz, ser feliz!


Metal Contra As 
Nuvens

Não sou escravo de ninguém

Ninguém, senhor do meu domínio
Sei o que devo defender
E, por valor eu tenho
E temo o que agora se desfaz.

Viajamos sete léguas
Por entre abismos e florestas
Por Deus nunca me vi tão só
É a própria fé o que destrói
Estes são dias desleais.

Eu sou metal, raio, relâmpago e trovão
Eu sou metal, eu sou o ouro em seu brasão
Eu sou metal, me sabe o sopro do dragão.

Reconheço meu pesar
Quando tudo é traição,
O que venho encontrar
É a virtude em outras mãos.

Minha terra é a terra que é minha
E sempre será
Minha terra tem a lua, tem estrelas
E sempre terá.

Quase acreditei na sua promessa
E o que vejo é fome e destruição
Perdi a minha sela e a minha espada
Perdi o meu castelo e minha princesa.

Quase acreditei, quase acreditei

E, por honra, se existir verdade
Existem os tolos e existe o ladrão
E há quem se alimente do que é roubo
Mas vou guardar o meu tesouro
Caso você esteja mentindo.

Olha o sopro do dragão...

É a verdade o que assombra
O descaso que condena,
A estupidez, o que destrói

Eu vejo tudo que se foi
E o que não existe mais
Tenho os sentidos já dormentes,
O corpo quer, a alma entende.

Esta é a terra-de-ninguém
Sei que devo resistir
Eu quero a espada em minhas mãos.

Eu sou metal, raio, relâmpago e trovão
Eu sou metal, eu sou o ouro em seu brasão
Eu sou metal, me sabe o sopro do dragão.

Não me entrego sem lutar
Tenho, ainda, coração
Não aprendi a me render
Que caia o inimigo então.

- Tudo passa, tudo passará...

E nossa história não estará pelo avesso
Assim, sem final feliz.
Teremos coisas bonitas pra contar.

E até lá, vamos viver
Temos muito ainda por fazer
Não olhe pra trás
Apenas começamos.
O mundo começa agora
Apenas começamos.